O Senhor Ressuscitado nos ouve!

“Este infeliz gritou a Deus e foi ouvido” (Sl. 33).

 

Queridos irmãos e irmãs! Internautas!

Que bom que você tem entrado em nosso site, lido, acompanhado as notícias, observado o dia a dia da vida pastoral da nossa Paróquia e Santuário Diocesano do Senhor Bom Jesus. É bom saber que fazemos parte de uma grande e mesma família, que é a família do Senhor Bom Jesus.

Celebramos a Semana Santa, o Domingo de Páscoa, o Domingo da Misericórdia e agora estamos no Tempo Pascal. A Liturgia tem colocado este Salmo que é tão expressivo e profundo: “este infeliz gritou a Deus e foi ouvido”! Destaco três idéias sobre este Salmo.

1. “ESTE INFELIZ GRITOU”. É muito interessante perceber que “este infeliz” não tem nome. A Palavra poderia dizer: “Abraão gritou e foi ouvido por Deus”… ou ainda: Moisés, David, Jonas, Tobias, Rebeca, Ester ou algum dos tantos outros personagens bíblicos. Mas, “este infeliz” não tem nome. E não tem nome por que? Será que foi um descuido da Palavra de Deus? Seguramente que não. “Este infeliz” não tem nome por ser cada pessoa humana de todos os tempos. Ele é cada um de nós.

2. “GRITOU…”. Não é de se estranhar ou de se admirar que “este infeliz” tenha gritado. Afinal, quando sofremos, quando viemos algum pavor é bem natural que gritemos. O ser humano grita diante das incógnitas da vida; diante dos mistérios da vida; diante das sombras e luzes da vida. Quando nos sentimos coagidos, pressionados, chantageados ou ameaçados, gritamos por socorro.

3. “E DEUS OUVIU”! Como é bom cremos em um Deus que ouve os gritos do nosso coração. Até quando não temos força para gritar, Deus ouve os gemidos da nossa alma; os gritos mais secretos do nosso coração. O mais admirável não é dizer que o homem grita na sua dor. Mas, dizer e crer que Deus ouve os nossos gritos. Esta certeza reanima a nossa esperança, pois acreditamos que Deus nos ouve até mesmo quando não conseguimos falar. O amor de Deus nos ouve. E o amor de Deus ouve tudo e todos. Nada escapa do Seu ouvir misericordioso.

Sendo assim, queridos irmão e irmãs! Continuemos gritando em nossas infelicidades e em nossos dramas. Pois, o Senhor está no meio de nós. Ele nos ouve e Ele sempre nos fala algo de esperança para todos nós!

Que o Senhor Bom Jesus continue abençoando e ressuscitando a nós e a nossa família!

Feliz Páscoa e Tempo Pascal para todos!

 

Pe. Silvio Andrei

Pároco

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *