0
Publicado 05/12/2014 por Bom Jesus de Pirapora em Palavra do Pároco
 
 

Advento: Tempo de expectativa!

“Restaurai-nos, ó Senhor; mostrai-nos serena a vossa face e seremos salvos” (Sl 79,4).

 

Estimados Internautas!

Paroquianos e Romeiros!

 

Iniciamos mais um tempo em nossa Liturgia, que é formada por uma sucessão de tempos! A Palavra de Deus, as cores e os sinais litúrgicos sempre expressam o tempo em que estamos vivendo. Durante o Tempo Comum é o verde da esperança que nos acompanha durante as trinta e quatro semanas; na Quaresma e no Advento, é o roxo da preparação e da espera; Natal e Páscoa, o dourado e o branco acenam para a vitória da vida. Nas solenidades de Pentecostes e dos Mártires a cor vermelha lembra o fogo e o sangue do Senhor Bom Jesus e de tantos homens e mulheres que morreram pela causa do Evangelho e do Reino de Deus.

O Tempo Litúrgico é como o tempo das estações: outono, primavera, verão e inverno. Em cada tempo, sinais e acontecimentos nos convidam a olhar para o Eterno e, sobretudo, para o Senhor que governa tudo com a Sua misericórdia infinita.

Iniciamos no final de semana de 29 e 30 de novembro o ano novo na liturgia, ou seja, o Tempo do Advento que nos ensina a nos prepararmos ainda mais para a Solenidade do nascimento do Senhor Bom Jesus. Estamos na expectativa da vinda do Senhor, do nascimento do Senhor, de novos céus e de nova terra! Partilho com os queridos internautas, paroquianos e romeiros, três palavrinhas.

1. TEMPO DE FÉ. Neste tempo do Advento, formado por quatro finais de semana que antecedem o Natal de Jesus, temos a oportunidade de renovar a nossa fé na certeza de que cremos em um Deus que vem ao nosso encontro. Deus não fica nos esperando. Deus dá o primeiro passo em nossa direção. É Ele que vem em nossa direção para ser o EMANUEL, um Deus que está conosco, e arma uma tenda para permanecer no meio de nós. Deus caminha conosco. Por isso, um tempo de fé, onde eu creio e sei que nunca estou sozinho.

2. TEMPO DE ESPERANÇA. Deus não simplesmente vem ao nosso encontro e nem tão somente fica no meio de nós. Ele vem com um propósito bem definido, bem objetivo, bem claro. Deus vem para salvar o Seu povo da escravidão da morte e do pecado. É com esta verdade que o nosso coração se enche de esperança e acredita que o dia de amanhã será melhor do que o dia de hoje. Já lemos e ouvimos muitas definições sobre o que é a Esperança. De um modo simples, podemos dizer que ter esperança, significa carregar no peito, no coração, na mente e na alma a expectativa de que a minha vida vai melhorar.

3. TEMPO DE DESEJO. O nosso coração precisa desejar “as coisas do Alto”! Precisamos desejar, ardentemente, as coisas de Deus, para que o tempo de Deus esteja envolvido com o nosso tempo, com as nossas coisas, com os nossos sonhos! Que neste Tempo novo do Advento, nos preparando para o Natal do Senhor Bom Jesus e a chegada de 2015, desejemos ardentemente o Reino de Deus em nossa vida. Continuemos rezando: “venha a nós o Vosso Reino!” pois, o Reino de Deus, é um Reino onde a vingança e o mal, dão lugar ao empenho, à dedicação, ao esforço, ao entendimento, à justiça e à comunhão entre as pessoas

Aproveito ainda para convidar a todos e também aos seus familiares e amigos para a nossa Missa da Família de dezembro, que será na última quarta-feira do mês e do ano de 2014, dia 31 de dezembro às 19h30 no pátio do Santuário, vamos celebrar juntos o réveillon da fé viva, com vestes brancas, clamando pela paz.

Que o Senhor Bom Jesus continue abençoando a todos nós e a nossa família!

Feliz e Santo Natal! Iluminado Ano Novo!

 

Pe. Silvio Andrei Rodrigues

Pároco do Santuário Diocesano do Senhor Bom Jesus

Pirapora do Bom Jesus – SP